fbpx

Novidades

Mirante do Gavião Amazon Lodge

Destaques / Homepage / Todos / Viagens / 23/04/2020
Aberto em Agosto de 2014, o Mirante do Gavião Amazon Lodge está às margens do Rio Negro, em frente ao Parque Nacional de Anavilhanas – o 2º maior arquipélago fluvial do mundo (o 1º é a reserva de Mariuá, no alto Rio Negro) – uma região com um dos biomas mais preservados da Terra, de biodiversidade abundante.
O hotel abriga doze espaçosos bangalôs erguidos em madeira de lei que remetem a forma de barcos invertidos, e design interior que incorpora materiais da floresta: revestimentos em teçume de fibras naturais, mobiliário de madeira nobre com detalhes em marchetaria, cestarias e outras belas peças de artesanato regional – muitos deles, criados pelos profissionais da Fundação Almerinda Malaquias, ONG a qual o hotel é patrono e apoia.
O projeto sustentável assinado pelo Atelier O’Reilly Sustainable Strategies (atelieroreilly.com.br) teve como a prioridade a adequação ao seu entorno: as construções têm seus pisos elevados, de modo a preservar a permeabilidade do solo; iluminação e ventilação natural; energia solar para abastecer o sistema elétrico e aquecimento de água; e os resíduos orgânicos são sempre direcionados para compostagem. O paisagismo ficou à cargo de Clariça Lima (studioclaricalima.com.br) inspirado na expedição da botanista britânica Margareth Mee pela Amazônia, com mais de 70 plantas nativas e árvores frutíferas.
Espalhados na parte alta do terreno de 2 mil metros quadrados de área construída (apenas 7% da área total em meio à floresta nativa), os bangalôs são conectados por passarelas até a parte baixa onde fica a moderna piscina e a enorme cobertura que abriga o Restaurante CamuCamu, com menu a la carte que destaca os ingredientes amazônicos e seus peixes raros, em criações originais assinadas pela chef Debora Shornik. Receitas clássicas, como massas, grelhados e saladas também estão no cardápio para atender a todos os gostos.
Das mesas, é possível ver o vai-e-vem dos barcos singrando pelo rio e o píer do hotel que, com frequência regular, é também local de partida e chegada das expedições fluviais da Katerre, empresa de ecoturismo que tem como proposta uma vivência profunda e genuína de contato com a floresta, em roteiros de 4, 5, 7 ou 8 dias rio Negro adentro.
Uma novidade, o hotel inaugurou neste ano de 2019 uma nova sala de jogos panorâmica em meio à floresta, 200 metros quadrados que abriga mesas de sinuca e pebolim, lounge com TV a cabo e redário. O espaço é ligado ao hotel por 200 metros de caminhos trilhados e passarelas.
Prêmios:
  • XIII Grande Prêmio de Arquitetura Corporativa 2016 / Atelier O’Reilly Estratégias Sustentáveis Ltda
  • ASBEA 2014
Categorias das acomodações:
FAMILIA – 3 UNIDADES (duas da casa da árvore + 1 ao lado da sala de jogos)
COMFORT – 6 UNIDADES (3 bangalôs na passarela + 2 vista floresta + ao lado da sala de jogos)
LUXO – 3 UNIDADES (2 da ponta da passarela / a Macucú / Samaúma / Cumarú vista Floresta)

Tags:,



Elite Magazine




Post Anterior

Casa Maitei: cenário para um casamento intimista em meio à natureza exuberante

Próximo Post

Porsche cresce 113% no Brasil no 1º trimestre de 2020





Você também pode gostar de



0 Comentários


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais histórias

Casa Maitei: cenário para um casamento intimista em meio à natureza exuberante

Casa Maitei é o local para quem busca casar em praia com paisagem paradisíaca e clima perfeito no sul da Bahia Na hora...

23/04/2020